sábado, 17 de agosto de 2013

Minha participação - Momento de Inspiração 6ª Edição


Mamy
Tudo bem? Sei que não é muito ligada a computadores e então resolvi escrever esta cartinha. Estou adorando sabe? Essa de estar conectado e só se falar virtualmente não tem o gostinho igual ao de escrever uma carta.
Continua chateada comigo porque decidi vim morar com o pai em Nova York?
Já expliquei os meus motivos e espero que entenda que já não sou mais aquela menina que não sabia se defender. Cresci, sou uma mulher e preciso tomar minhas decisões, fazer minhas escolhas e para isso quero conhecer novas pessoas e viver essa agitação de uma cidade cheia de vida, de diversão, de cultura e tudo mais.
Precisava deixar de ser aquela menina de interior com um círculo de amigos que cresceram comigo, passar os domingos paquerando na praça e acabar gostando de um rapaz que acabou indo morar em Londres. Depois de alguns anos estaria como você trabalhando em uma biblioteca, cuidando da casa, curtindo uma novela, um chá com as amigas, uma rotina que com certeza a deixa feliz, mas minhas aspirações são outras.
As aulas já começaram na Faculdade e estou gostando muito. Sabe que sempre gostei da arte e acho que vou me dar bem. Vou fazer um curso de fotografia que o pai deu a maior força. Começo na próxima semana.
Passo a semana toda praticamente sozinha, pois o pai chega à casa muito tarde. O apartamento dele é muito grande e tenho um quarto com tudo que tenho direto. Acho que ele trabalha muito e poucos são os dias que estamos juntos para jantar.
Mamy sinto muita falta desses momentos que passávamos juntas. A faculdade e agora o curso de fotografia vão ocupar o meu tempo. Quando chegar a casa vou estar para lá de cansada.
No último sábado fui pedalar com o pai. Ele me deu uma bicicleta cheia de detalhes e dá até para colocar a minha mochila na parte traseira. Quando tenho que ir a padaria ou em lugares próximos adoro poder ir de bicicleta.
Estou enviando a cópia da foto que ele tirou de mim na ciclovia ao longo do rio Hudson Park.
Dei um toque de foto antiga e acho até que ficou bom o meu trabalho. Ele tirou a foto na hora que estava admirando à paisagem deslumbrante vista da ciclovia. Passamos um dia super agradável.
Quero que não fique triste e nem com ciúmes, mas precisava desse momento com o pai que por muitas vezes me convidou para morar com ele.  Sabe que sempre que posso estou ligando e estarei ai no seu aniversário. Vou ficar alguns dias e vamos poder conversar melhor e matara as saudades.
Mamy você sempre será a mulher mais linda e especial da minha vida. Tudo que sou e serei não seria possível sem carinho, dedicação e esse amor que vive dentro do meu coração.
Beijos cheios de saudades desta sua filha que a ama muito.

Bia


 
By Irene Moreira


Minha participação:
Momentos de Inspiração 6ª Edição

6 comentários:

  1. Que lindo, Irene...
    E o detalhe do toque antigo na foto foi ótimo!
    Mães sofrem mesmo quando os filhos criam asas e se vão.. mas se estão bem, fingimos que ficamos bem também.

    Um ótimo sábado, beijos

    ResponderExcluir
  2. Que linda carta.Toda mãe gostaria de um carinho escrito assim. beijos,tudo de bom,chica

    ResponderExcluir
  3. Quando os filhos tem que partir sempre é dificil,não é mesmo?Me identifiquei um pouco!Muito linda carta!bjs e bom final de semana,

    ResponderExcluir
  4. Olá, querida
    Estou deixando a minha Bia agir por mim... ela é mais segura...
    Bjm ainda pantaneiro

    ResponderExcluir
  5. Lindo texto, Irene! Gosto de escritos em forma de cartas, me parece que as emoções ficam mais evidentes dessa forma. Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Irene!
    Como sempre, escrita impecável...
    Amo cartinhas e esta está bem escrita.
    Parabéns!

    Um final de semana esplendoroso!
    Paz, amor e muita luz!
    cheirinhos
    Rudy
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir

Instagram

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails