domingo, 9 de maio de 2010

"Mãe eternamente Mãe"



Esta que está nesta foto  é minha mãezinha que me carregava no colo quando eu era ainda bebê. Como é gostoso abrir o álbum de fotos e podermos sentir tanto amor e saudades ao mesmo tempo de momentos  que passaram, mas que nunca serão esquecidos, estão eternamente em nossos corações, em nossas histórias, são eternos."
"O nosso amor é como o vento não posso ver mas posso sentir".

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *

MÃE...
que na presença constante me ensinou
na pureza do seu coração a vislumbrar
caminhos...

MÃE...
dos primeiros passos, das primeiras
palavras...

MÃE...
do amor sem dimensão, de cada momento,
dos atos de cada capítulo de minha vida
não ensaiados, mas vividos em cada
emoção...

MÃE...
da conversa no quintal, do acalanto do
meu sono aquecido de amor, aninhada
em seu coração...

MÃE ...
do abraço, do beijo que levo na
lembrança...

MÃE...
é você que me inspira a caminhar...

MÃE...
a presença de cada passo que o
tempo não apaga: por mais longo
e escuro que seja o caminho, haverá
sempre um horizonte...

MÃE...
Mulher a quem devemos a vida,
que merece o nosso respeito,
nossa gratidão e nosso afeto.
Esta foto é da família toda junta, menos o papai que está tirando a foto , é uma escadinha que começa com a vovó, depois a mamãe e aí vem meus irmãos.

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *
O Amor da mãe pode ser traduzido
 em uma palavra: doação.
Falar desse sentimento é entender que ele
é a mais completa forma de amor.
Um amor que se doa,
coloca em primeiro plano o bem-estar,
a segurança de um outro ser.
Impossível falar de mãe
sem falar da pureza de um amor,
que diante de todo o sofrimento disse Sim: Maria.
Uma mãe que,
como tantas mães em nosso país,
olha com lágrimas nos olhos o presente
e o futuro árduo do filho.
Talvez seja por isso que a mãe Maria
se expressa em cada olhar de mãe,
em cada gesto de doação da mulher.
No rosto de uma mulher que assume
a maternidade inteiramente,
mesmo diante de tudo o que há de vir,
há a presença iluminada de um lado vivo,
mas esquecido por todos,
homens e mulheres:
O AMOR!!!!
(autor desconhecido)

* * * * * * * * * * * * * * * * * * * * *


Hoje comemoramos o Dia das Mães e desejo a todas vocês um mundo cheio de amor e alegrias agarradinho aos seus filhos seja num grande abraço, seja pela Telinha do computador, seja pelo telefone ou celular, seja pelas lembranças e recordações - não importa como - o que importa é que ser mãe é amar incondicionalmente. É um sentimento único e tão sublime que ultrapassa todas as barreiras e onde entregamos nossas vidas para protegê-los velando sempre pelos seus passos.

8 comentários:

  1. Linda homenagem e que família linda.
    beijos

    ResponderExcluir
  2. Uma bela homenagem, que família bonita e gde hem...
    Eu falei com minha mãe por telefone, pois ela mora no interior de Sampa e eu em Curitiba, mas passei o dia nervosa.

    beijooo.

    ResponderExcluir
  3. Amiga que grande recordação aqui hein??? Maravilhoso post em homenagem as Mães!!!!

    Não consegui te mandar msg no cel hoje, por isso venho aqui tb, para te desejar um feliz dia das mães!!! (antes das 00h hehehehe)

    Grande beijo minha mamy de coração!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Mãe é uma fortaleza enroupada de fragilidade...
    FELIZ DIA DAS MÃES!
    Bjs
    Mila

    ResponderExcluir
  5. Bom Diaaaaaaaaaaaaaaa!
    Vim te desejar um belo início de semana
    e te oferecer um Selinho...
    (Esse Blog é um Amor)espero que goste.

    Beijoss fica com Deus!

    ResponderExcluir
  6. oi:)tudo bem?
    Desculpa a demora de vir aqui, mas é que meu computador estava meio lento dai não dava pra fazer quase nada, ta bom?
    Parabéns!!!!!!!!! Atrasado mas o q vale é a intenção ne rsrsrsrsr
    Eu sei q vc é mãe e tem uma família linda:)
    Adorei as fotos:)
    Beijinhos super cor de rosas da Carol=)

    ResponderExcluir
  7. oi amiga,
    que linda homenagem.
    eu passei um dia maravilhoso com meus filhos.
    moram longe ontem todos juntos.

    estou sem login porque estou mudando o blog.
    linda semana com bjos da rita.

    ResponderExcluir
  8. Tardes de invernos
    parecem feitas de saudades
    Um sol avermelhado
    Quase frio...
    Um brilho distante,
    Um arrepio.
    Um canto
    Misterioso
    Quase sem assovio
    Onde os raios se perdem
    em nuvens azuis
    até no horizonte
    sumirem.

    (Sirlei L. Passolongo)

    Uma noite de amor e paz.......Beijos!!

    ResponderExcluir

Instagram

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails